Quem pode fazer parte do Projeto Rural Sustentável - Cerrado

Durante 4 anos de atuação, são diversas as atividades programadas e em construção para diferentes públicos dos estados de GO, MG, MS e MT

Embora voltado para atuar junto a produtores e produtoras rurais do Cerrado brasileiro na implantação de tecnologias sustentáveis, o Projeto Rural Sustentável - Cerrado também conta com uma gama de públicos que se inter-relacionam com a realidade rural e se tornam fundamentais para avançar no aumento da produtividade agrícola sem agredir o meio ambiente. São instituições de ensino superior e de pesquisa e desenvolvimento, estudantes do ensino técnico e superior, escolas de ensino médio e fundamental, organizações produtivas (como cooperativas e associações), gestores e gestoras públicos, além de técnicos e técnicas rurais e entidades de assistência técnica do setor público e/ou privado (as ATERs).

O objetivo é que todos, de forma integrada, possam caminhar juntos para que o PRS – Cerrado, para além de auxiliar na implantação de práticas agrícolas de baixa emissão de carbono, mostre que é possível um novo caminho sustentável. E é com esse intuito também que, com um arranjo institucional inovador, o projeto é resultado de parcerias: Governo do Reino Unido, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Instituto Brasileiro de Desenvolvimento e Sustentabilidade (IABS) e Associação Rede ILPF, por meio da Embrapa.

Abaixo, por público, alguns dos benefícios que serão disponibilizados durante o projeto. Vários outros estão sendo desenhados e vão ser implementados à medida que se intensificarem os trabalhos nas áreas de atuação. Para que possam ter acesso a informações sobre como se envolver, é fundamental que interessados(as) façam o cadastramento.

 


Chamada de Unidades Multiplicadora Direcionada

De 15 a 20 de abril
Início das inscrições: 15 de abril

Download de anexo